terça-feira, 25 de março de 2008

Salinas de Alquerubim

Já todos sabemos que Alquerubim é povoação muito antiga, citada em documentos datados do longínquo ano de 981, mas o que poucos saberão é que nesta nossa terra já existiram marinhas de sal.

De acordo com vários estudiosos, um braço de mar avançava, nesses tempos remotos, pelo Vale do Vouga, fazendo com que na planície que cercava "Alkarovim" se explorassem salinas.

Em tempos mais recuados o valor do sal era tal que chegou a ser moeda de troca entre povos, percebendo-se deste modo a importância que este produto tinha na riqueza de Alquerubim.

Pensa-se que a tradicional procissão da Santa Marinha, padroeira da Vila, tenha começado por ser um agradecimento do povo por essa dádiva da natureza.

A suportar estas informações citamos o inventário das propriedades e igrejas da Guimarães que em 1059 regista a "villa de Alcaroubim... com suas salinas": em 1059 uma carta de doação esclarece que Alquerubim estava situada junto à praia do mar, entre "Paos et Marnelle" ; testamentos antigos, de 1050, 1059 e 1077, legam aos seus herdeiros salinas em Alquerubim.

E se alguma dúvida possa ainda existir, basta citar o insuspeito romancista, poeta e grande historiador, Alexandre Herculano, que na sua História de Portugal diz de uma senhora "que fez doação de suas terras e salinas de Alquerubim".

Fonte: Alquerubimonline

Sem comentários: