quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Café Bristol e a Avenida dos Cafés (1977)

Antes da “moda” dos cafés, a reunião era nas Boticas ou nas Farmácias antigas. O Café Bristol, mais conhecido [no passado] por Café do Júlio e, depois, pelo Café dos Cavacas também tem a sua tradição como o mais antigo e um dos que souberam adaptaram-se aos tempos modernos.

O Café Bristol era o único, no seu começo (*). Existia, nessa altura, a Pensão Vouga, aonde também se ia tomar café. Depois outros foram surgindo: o Café Leão, o Avenida, o Guiné, o Boavista, o Napoleão, …

Este Café Bristol começou por ser de uma “gente” de São Marcos. Depois foi dos senhores Evaristo Ferreira, Francisco Alho e José Inácio.

Depois [no início da década de 40] passou para o saudoso Júlio Ferreira da Silva, falecido em 1967, marido da D. Fernanda e pais dos senhores Carlos e João “Cavacas”, futuros proprietários do café.


(Nota: O café foi trespassado no dia 1 de Janeiro de 1943 para Júlio Ferreira da Silva e João Moreira)

A Guerra na Europa, a consequente escassez de mantimentos, o pouco desenvolvimento tecnológico do País – tudo somado e não apenas eram factores determinantes, para que só por si, o comércio não passasse de um "tem-te não caias" (…)

Certo desafogo económico chegou muito tempo depois [em meados dos anos 60]. E com ele a clientela desenvolveu. Só a partir daí, esta “casa começou a fazer-se e a desenvolver-se por si própria".

Bilhete postal do Café Bristol (Evaristo Ferreiro) com localização na (então) Avenida da Liberdade
Cavacas

O avô de Carlos e João “Cavacas” era carreiro. Enquanto ele carregava o carro, a esposa ia apanhando lenha (que em muitas terras se diz cavacos ou cavacas) para o lume. Daí lhe teria vindo a alcunha "a Ti Cavaca". E a alcunha pegou às gerações. Alcunha que quer dizer trabalho, honradez.

Fonte: Gaspar Manuel Queiroz in “Arauto de Osseloa” (adaptado)

(*) O mais antigo café de Albergaria é o Bristol: remonta ao final do século XIX. apesar de ter mudado de mãos diversas vezes, mantém-se no mesmo local há mais de um século (Dr. Delfim Bismarck em grupo do Facebook "Café Girassol - Lembranças de Outras Vidas"


Avenida dos Cafés ou Avenida dos Casinos

Café Cavacas, que era o antigo Café do Júlio, ali á boca da Avenida dos Casinos, como lhe chamava com a sua oportuna e fina graça o nosso inesquecível Delfim do Agro.

Apesar de oficialmente ser Avenida Napoleão Luís Ferreira Leão, por todos era conhecida por Avenida dos Cafés.

Fonte: Dr. Vasco Mourisca

Bristol

Bristol é a maior cidade do sudoeste da Inglaterra. O escritor Eça de Queirós foi cônsul de Portugal em Inglaterra, entre 1874 e 1878, exercendo o cargo em Newcastle e Bristol.

Agradecimento: Eng. Duarte Machado (imagem do jornal)

3 comentários:

Anónimo disse...

Agora não há guerra na europa, não há escassez de mantimentos e consequente escassez de mantimentos e existe desenvolvimento tecnológico mas muito comércio se calhar nem consegue o de um “tem-te não caias” …
CPF

raul silva disse...

bom comentário!!!

slc disse...

Procurando por "vouga I" no site de leilões delcampe.net aparece um bilhete postal do Café Bristol (Evaristo Ferreira) com localização na Avenida da Liberdade. Também aparece um bilhete postal das Fábricas Alba.